insta

Visualizações
Um blog sobre design e fotos para vinhos com case studies, tutoriais e dicas de vinhos, design e fotografia.

Navigation Menu

Foto para vinhos : Como escolher o brilho da garrafa

Foto: Moema Quintas
Para fotografar garrafas de vinhos , não basta apenas ter um bom equipamento, é necessário técnica, estudo, dedicação e principalmente experiência. Neste post, gostaria de dar algumas dicas sobre como escolher o brilho da garrafa.
 
Os brilhos mais usados são: brilho duplo, brilho lateral, brilho difuso, direto e sem brilho.
 
Brilho lateral direto
Foto: Moema Quintas
Brilho duplo - Brilho nos dois lados da garrafa. Esse brilho, embora seja muito utilizado, é contra indicado, pois interfere na visão geral do produto, pois,  ao chamar atenção demasiada à garrafa, tira atenção do rótulo provocando muitos ruídos na imagem. Tenho visto verdadeiros "desenhos rebuscados" a cada lado da garrafa.
 
Brilho lateral - É um brilho único, colocado apenas num dos lados. Este brilho deve ser sempre colocado ao lado esquerdo para conferir uma melhor visualização, e realçar a volumetria da garrafa. O brilho lateral direto fica bem na maioria dos rótulos, embora se deva evitar nos rótulos com papéis brilhantes, com muitos dourados e prateados.
 
Brilho Difuso - Também este, deve ser colocado à esquerda da garrafa. Fica muito bem em garrafas fôscas e nos vinhos que se servem frescos. Algumas vezes, quando utilizado, têm-se a impressão de que a garrafa é fôsca. 
Fica bem nos rótulos com papel brilhante e muitos dourados e prateados.
 
Sem brilho
Foto: Moema Quintas



Sem brilho - Muito utilizado na fotografia dos uísques e bebidas espirituosas, fica bem em rótulos com bastante brilho de dourados e pratas ou rótulos transparentes. Dependendo da maneira como é trabalhado, ou mesmo da forma da garrafa, pode deixar a imagem chapada, sem volumetria.
( Moema Quintas)

0comentários: